Europa não se une, mas se fragmenta mais

Print Friendly, PDF & Email

crise-europeia Merkel diz que países europeus devem estar preparados para ceder soberania

Por Redação
A chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou, esta segunda-feira, que os países da zona euro devem estar preparados para eventualmente terem de ceder em determinados aspetos da política das instituições europeias, se a Europa realmente quiser ultrapassar a crise da dívida.

«Parece que conseguimos encontrar soluções comuns quando estamos a olhar para o abismo. Mas assim que a pressão diminui, todos dizem que querem seguir seu próprio caminho», disse Merkel num encontro promovido pelo Deutsche Bank, em Berlim, ao lado do primeiro-ministro polaco, Donald Tusk.

«Temos de estar preparados para aceitar que a Europa tem a palavra final em certas áreas. Caso contrário, não seremos capazes de continuar a construir a Europa», sublinhou a chanceler alemã.

Por seu lado, Tusk afirmou que seria «perigoso» que outros países da Europa sintam que a Alemanha está a tentar impor o seu próprio modelo económico tendo Merkel negado que tal esteja a acontecer, frisando que a Europa é feita de culturas diferentes e economias com forças diferentes, sendo a chave orientar-se para promover as melhores práticas.

«Não precisamos de abdicar de práticas nacionais, mas devemos ser compatíveis», argumentou Merkel. «Da forma como está agora, é um caos. «Precisamos de estar prontos para romper com o passado e dar o passo em frente. Eu estou pronta para o fazer», concluiu a chanceler alemã.

Fonte: http://www.abola.pt/mundos/ver.aspx?id=397007

Comentário: Daniel profetizou há mais de 2.400 anos atrás que a Europa não se ligaria mais após a fragmentação do Império Romano. A Europa é a região do mundo com a sede da Igreja Católica. Os Estados Unidos da América, composto por 50 estados, sempre mantiveram a unidade, desde que se estabeleceram, como seu nome diz “Estados Unidos”. Ali fica a sede da Igreja Adventista. As dificuldades da Europa a tornam frágil para crises, como a que nesses dias se vê. A unidade americana tornou esse país o mais poderoso do mundo. Mas quais são as tendências, conforme as profecias que conhecemos? É de satanás tomar o poder nos Estados Unidos da América, e leva-lo a cometer os mesmos erros que a Europa no passado medieval já cometeu, ou seja, perseguir os verdadeiros cristãos que seguem a Bíblia como regra de fé. Os americanos farão uma imagem da besta com o decreto dominical. Assim eles também se tornarão frágeis ao negarem a liberdade de culto, por meio da imposição da santificação do domingo, como fez a Europa nos tempos da Idade Média. Esses são os últimos dias aqui na Terra, pois as profecias bíblicas não estão prevendo outro poder no planeta, senão que, nos dias desses reis, JESUS voltaria. Esses grande evento está se materializando!

1 comment for “Europa não se une, mas se fragmenta mais

  1. FABIO COSTA
    Abril 24, 2013 at 3:27 pm

    É TEMPO DE ANALIZAR A VIDA E PROCURAR CORRIGIR OS ERROS.POR QUE AS PROFECIAS ESTÃO SE CUMPRINDO E O MUNDO SE DIRIGINDO PARA O FIM. EU NÃO QUERO ESTÁ DO LADO ERRADO E PEÇO AOS IRMÃOS QUE OREM POR MIM E MINHA FAMILIA PARA QUE O ESPIRITO SANTO SEJA DERRAMADO EM NÓS.PRA ASSIM GANHARMOS A SALVAÇÃO EM CRISTO JESUS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *