Papa vai à Terra Santa para falar de diálogo entre religiões

Print Friendly, PDF & Email

papa francisco3Papa vai à Terra Santa para falar de diálogo entre religiões Papa será acompanhado por um líder religioso muçulmano e um rabino em uma região emblemática, abalada por conflitos O Papa Francisco visitará pela primeira vez a Terra Santa, de 24 a 26 de maio, em uma viagem “intensa e carregada”, que será marcada pelo diálogo entre as três grandes religiões monoteístas: católica, judaica e muçulmana. O Papa, que em três dias visitará a capital jordaniana Amã, Belém, nos Territórios Palestinos, e Jerusalém será acompanhado por um líder religioso muçulmano e um rabino em uma região emblemática, abalada por conflitos. “Não há reuniões específicas programadas entre as religiões, mas a presença durante a viagem de membros das diferentes religiões é significativa”, declarou nesta quinta-feira o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi. O rabino de Buenos Aires, Abraham Skorka, e o líder muçulmano Omar Abboud, presidente do Instituto do Diálogo Inter-religioso da capital argentina, “dois amigos”, acompanharão Francisco em sua primeira visita à Terra Santa. “São pessoas que o Papa conhece muito bem, com quem cultiva uma amizade desde a Argentina. Portanto, não será necessário fazer discursos sobre o diálogo inter-religioso”, explicou Lombardi. Com a viagem, o Papa argentino comemora o histórico encontro entre o Papa Paulo VI e o Patriarca Ortodoxo Atenágoras I de Constantinopla, em 5 de janeiro de 1964, em Jerusalém, uma reunião que revogou a excomunhão de 1054 que causou a divisão entre as igrejas do Oriente e do Ocidente. O Papa se reunirá em quatro ocasiões com o Patriarca Ortodoxo, com quem vai rezar no Santo Sepulcro, em Jerusalém. “Um evento histórico”, considerou Lombardi, já que esta é a primeira vez que os representantes de várias correntes cristãs, incluindo a greco-ortodoxa, a armênio-ortodoxa e dos franciscanos católicos rezam todos juntos e publicamente neste local sagrado para o cristianismo. “Naquele lugar todos sempre rezaram separadamente”, lembrou Lombardi, sem mencionar os difíceis confrontos no passado recente entre essas comunidades para ter horários fixos de oração. Fonte: http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/papa-vai-a-terra-santa-para-falar-de-dialogo-entre-religioes Comentário:  Esse é o grande objetivo: unir as três grandes religiões monoteístas do mundo: cristianismo, judaísmo e maometismo (ou muçulmanos).  Destas, é o cristianismo que está mais dividido, com milhares de igrejas, de várias categorias. Há o esforço de unir o cristianismo primeiro, pelo Ecumenismo. A busca da unidade entre as três monoteístas faz parte do Dialogo Inter-religioso em andamento. Há grande expectativa quanto aos resultados dessa viagem do papa à Terra Santa. Ele é um homem que todos aceitam e respeitam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *